29 de março de 2010

VI – Marte, o mal necessário.

Seu nome em grego é Ares. É ele quem, junto com Afrodite, sempre equilibrou os pólos energéticos entre bem e mal em nossa Terra. Um representa o amor, o outro, a guerra.

Se, para que haja paz, muitas vezes tenha que existir a guerra e, para amar deva existir sofrimento, bem e mal se tornam apenas questões
de etapas para que seja possível chegar a um objetivo. Alguém já ouviu falar que o amor e o ódio andam juntos? Pois Ares e Afrodite são eternos amantes.

Hoje, conhecemos essas duas forças como “planetas” e os chamamos de
Marte e Vênus, denominação de origem romana. São essas forças que regem o princípio básico de nossa raça terrestre, sendo os dois pólos fundamentais de nossa existência.

Nosso corpo celeste (o qual chamamos de Terra) está bem no meio destes dois pólos, recebendo e reciclando as influências que nos são
enviadas. Este processo de equilíbrio se dá através das órbitas destas energias. Marte e Vênus se inclinam exatamente sobre o mesmo plano da órbita terrestre, tendo uma trajetória diferente das de outros planetas – enquanto as outras energias se movem de forma elíptica, Marte e Vênus acompanham a Terra em uma órbita circular, ou seja, nos “seguindo” e sendo nossas maiores influências energéticas.

Enquanto Vênus é o aspecto feminino, Marte é o aspecto masculino. Sua face vermelha remete a guerra, a luta. Hoje silencioso, o mundo parece um campo de combate abandonado, onde nada mais sobrou após tantos
confrontos.

Ares é a forma que representa Marte para nós, de tempos em tempos, aqui na Terra. Expressa a imagem da batalha que todos devemos participar quando necessário. O resultado dela – se bom ou ruim – será
conseqüência do objetivo que foi traçado por cada um de nós, ao idealizá-la.

Para que haja paz, deve haver luta.

Próximo Capítulo: Júpiter, o Grande Ancião

1 comentários:

CELSO MATHIAS disse...

"Para que haja paz, deve haver luta".
Muito legal isso. De todos até agora, esse foi o que mais me identifiquei, pois esses dois pólos, "luz e sombra" ou "amor e ódio", tem a ver com o que sinto e o que vejo.
Seu texto é uma melodia. Já pensou em começar a escrever um livro?? A capa e ilustrações serão minhas...É ÓBVIO!!Nem ouse dar a outro(KK) ...ISSO É SÉRIO MESMO, OUVIU???

BJS e fique na PAZ